LEIA TAMBÉM

Um veículo da Enel foi destruído em um ataque incendiário e um artefato explosivo foi encontrado no telhado de uma delegacia na cidade de Maracanaú, na Grande Fortaleza. Uma equipe do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) da Polícia Militar do Ceará recolheu o material. Este domingo é o 26º dia seguido de ações criminosas coordenadas por facções no estado.

No Bairro Canindenzinho, em Fortaleza, criminosos jogaram combustível e atearam fogo em um veículo da empresa de distribuição de energia no Ceará. O caminhão estava na rua João Correia Lima quando os funcionários da empresa foram abordados por dois suspeitos, que os obrigaram a descer do veículo.

continua depois da publicidade

RECOMENDADAS

continue lendo

Um policial do 20º Distrito Policial, que não quis se identificar, confirmou que o objeto se tratava de um explosivo, que foi descoberto após uma ligação anônima informar a localização do objeto. Não há informações sobre quem teria deixado o artefato no local. Ele estava com um pavio intacto.

Desde o início das ações criminosas, em 2 de fevereiro, ocorreram 257 ataques contra ônibus, carros, prédios públicos, prefeituras e comércios em 50 dos 184 municípios cearenses. Os crimes começaram em Fortaleza e se espalharam para a Região Metropolitana e diversas cidades do interior. A Secretaria da Segurança Pública do Ceará confirmou que 460 pessoas já foram detidas por envolvimento nas ações criminosas.