LEIA TAMBÉM

Durante o dia "D", no último sábado (11/11), foram vacinados 207.926 animais contra a raiva

A Prefeitura de Fortaleza imunizou 207.926 animais durante o dia “D” de vacinação contra a raiva, no último sábado (11/11), o que corresponde a 70% da meta preconizada pelo Ministério da Saúde. A campanha de intensificação contra raiva segue até o dia 11 de dezembro. A Regional I foi a que apresentou maior cobertura, registrando 93,39% de animais imunizados, seguido da Regional III, com 75,67%, e Regional V, com 69,24%, totalizando 121 mil animais.

A raiva é transmitida do animal para o homem e apresenta uma alta taxa de mortalidade, chegando a alcançar quase 100% entre os animais. Os principais transmissores são os animais silvestres, como morcegos, gambás e macacos, que contaminam cachorros, gatos e humanos de forma acidental. Os principais sintomas são o aparecimento repentino de uma agressividade no animal, salivação excessiva e paralisia.

O gerente da célula de Vigilância Ambiental, Atualpa Soares, destacou a atenção necessária aos animais que apresentam mudança no comportamento. “Quando um cão dócil, manso, começa a atacar todas as pessoas e se esconder, pode estar com a doença. Outra coisa que devemos ficar atentos é que o cão e o gato raivosos rejeitam a alimentação e não atendem ao próprio dono”, destacou Atualpa.

Fortaleza está há 14 anos sem registrar casos da doença em animais e humanos. Para as pessoas que foram mordidas ou arranhadas por animal suspeito de raiva, as dicas são lavar imediatamente a parte do corpo que foi agredida com água e sabão e procurar um serviço de saúde para receber orientações sobre indicação de vacina ou soro.

continua depois da publicidade

continue lendo

Para quem por algum motivo perdeu o dia “D”, a Secretaria Municipal da Saúde disponibiliza o serviço de vacinação antirrábica dos animais em dez locais, que estão funcionando de segunda a sexta-feira no horário das 8h às 17h. São eles:

Regional I
– Posto de Saúde João Medeiros (Av. Dom Aloízio Lorscheider, 982 – Vila Velha)

Regional II
– Posto de Saúde Paulo Marcelo (Rua 25 de março, 607 – Centro)
– Posto de Saúde Rigoberto Romero (Rua Alameda das Graviolas, 195 – Cidade 2000)
– Posto de Saúde Aída Santos (Rua Trajano de Medeiros, 813 – Vicente Pinzon)
– Posto de Saúde Pio XII (Rua Belizário Távora, s/n – Pio XII)

Regional III
– Distrito Técnico de Endemias (Rua da Liberdade, 65 – Autran Nunes)

Regional IV
– Centro de Controle de Zoonoses (Rua Betel, 2980 – Dendê)

Regional V
– Posto de Saúde Maciel de Brito (Av. A, 1ª etapa – Conjunto Ceará)
– Centro Social Urbano Adauto Bezerra – CSU (Av. D, 2ª etapa – Conjunto Ceará)

Regional VI
– Distrito Técnico de Endemias (Rua C, 11 – Conjunto Bandeirantes – Messejana)