LEIA TAMBÉM

Dirigentes do PSDB estão defendendo uma atitude mais aguda da campanha de Geraldo Alckmin contra Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), com ênfase no voto útil.

De acordo com a coluna “Painel”, da Folha, os tucanos querem sustentar na propaganda televisiva que votar no capitão reformado pode aumentar o risco de devolver o comando do Brasil para o PT de Lula.

Além disso, a cúpula da coligação de Alckmin quer que o candidato batalhe por mais votos em São Paulo, estado que governou por quatro mandatos.

faça login para continuar lendo

RECOMENDADAS

Leia também: Ciro consegue apoio de quatro das cinco maiores centrais sindicais

Do site Notícias ao Minuto