LEIA TAMBÉM

Acrísio Sena ressalta importância do Setembro Amarelo: “morrem em média 32 pessoas por dias no Brasil vítimas de suicídio”. Foto: Genilson de Lima

Usando dados de publicação da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) e do Conselho Federal de Medicina (CFM), o vereador Acrísio Sena (PT) usou a tribuna da Câmara Municipal de Fortaleza, nesta terça-feira (12), para destacar a campanha Setembro Amarelo, de prevenção ao suicídio.

“A cartilha é dirigida aos amigos da imprensa, que tem papel fundamental no trato com esta questão, já que os dados são alarmantes: em 2012, 11.821 suicídios foram oficialmente registrados no Brasil, uma média de 32 mortes por dia”, alertou.

Causas
Segundo o parlamentar, 96,8% dos casos têm relação com histórico de doença mental, sendo que, em 2012, o suicídio foi a segunda maior causa de morte entre os 15 e 29 anos de idade. Há alguns fatores de risco que precisam ser considerados, tais como uso de álcool e outras drogas, depressão, isolamento social, impulsividade e acesso a meios letais.

continua depois da publicidade

continue lendo

“Precisamos ver esta questão com muito carinho e cuidado: o poder público, a família e as instituições precisam descobrir, no contrato com o outro, os sintomas que podem levar a este tipo de desfecho”, explicou o petista.

Prevenção
Em 2006, o Ministério da Saúde publicou uma Portaria que orientou o Plano Nacional de Prevenção do Suicídio, elaborado pelo governo e sociedade civil. Dentre as estratégias, a promoção da qualidade de vida; informação e sensibilização da sociedade para o problema; organização de uma rede de atenção e intervenção; educação permanente dos profissionais de saúde da atenção básica.

Com informações da Assessoria