LEIA TAMBÉM

Vídeos feitos no momento em que o senador licenciado Cid Gomes (PDT) foi atingido por dois tiros mostram, pelo menos, três homens com armas disparando contra a retroescavadeira que o político conduzia. O caso aconteceu na entrada do 3º Batalhão da Polícia Militar de Sobral, no Ceará, na tarde desta quarta-feira (19), enquanto homens mascarados ocupavam o quartel.

O trator onde Cid estava, com o qual tentava derrubar o portão do local, teve os vidros estilhaçados pelos disparos de tiros e por pedras. Ele foi socorrido em seguida.

Em um dos vídeos é possível identificar dois homens próximo à grade do quartel empunhando armas. Outra imagem revela um homem com um capacete disparando em direção ao veículo de Cid Gomes.

O político foi baleado durante um ato de grupo de policiais reivindicando aumento salarial. Movimento é registrado no Ceará desde a noite de terça-feira (18), na Capital e em cidades do Interior.

Segundo a assessoria do político, um projétil bateu na clavícula e saiu, enquanto o outro se alojou no pulmão esquerdo. Ainda no Hospital do Coração da cidade, a bala do pulmão foi drenada. Em seguida, o senador realizou tomografia na Santa Casa de Sobral, retornando depois para a UTI do Hospital do Coração, onde deve passar a noite em observação.

INVESTIGAÇÃO

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que as investigações a respeito do crime cometido contra Cid Gomes estão com o Núcleo de Homicídios da Delegacia Regional de Sobral da Polícia Civil. Uma equipe do Grupo de Pronta Intervenção (GPI) da Polícia Federal, composta por agentes, peritos e papiloscopistas está se dirigindo à Sobral para auxiliar os trabalhos da Polícia Civil.

continua depois da publicidade

continue lendo

Ainda durante a noite desta quarta-feira (19), os policiais que estavam amotinados no quartel de Sobral abandonaram o local.

CIRO SE PRONUNCIA

O irmão de Cid, Ciro Gomes, publicou em rede social que o senador “foi vítima de dois tiros de arma de fogo por parte de policiais militares amotinados e mascarados”. Conforme Ciro, “as informações médicas são de que as balas não atingiram órgãos vitais apesar de terem mirado seu peito esquerdo”.

“Novos exames estão sendo feitos, mas a palavra aos familiares e amigos é de que Cid não corre risco de morte”, informou Ciro.

Momentos antes dos tiros, Cid Gomes postou stories em seu Instagram afirmando que iria a Sobral para “definir coletivamente uma estratégia para dar paz” à cidade.

REPERCUSSÃO

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou estar acompanhando “com preocupação” desdobramentos do ocorrido com o senador licenciado.

Em nota, o Ministério da Justiça e Segurança Pública informou que “já foram enviadas equipes da Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal para Sobral para garantir a segurança” de Cid, conforme o ministério. Além disso, a Força Nacional de Segurança Pública deve chegar ao Ceará, nesta quinta-feira (20), após pedido do governador Camilo Santana (PT)