LEIA TAMBÉM

Em quatro décadas, a rádio se consagrou como prestadora de serviços e principal meio de comunicação para a população amazônicaMarcello Casal Jr/Arquivo Agência Brasil

A Rádio Nacional da Amazônia foi homenageada hoje (27) por seus 40 anos em sessão solene do plenário da Câmara dos Deputados. A sessão foi organizada pela Frente Parlamentar pela Liberdade de Expressão com o objetivo de destacar o serviço prestado pela emissora aos estados da Amazônia Legal.

Considerada o maior canal de integração da região Norte, desde setembro de 1977, a Rádio Nacional alcança ouvintes em locais de difícil acesso. Em quatro décadas, a rádio se consagrou como prestadora de serviços e principal meio de comunicação para a população amazônica.

“[É um] veículo de comunicação muito importante para nós, povos indígenas do Amazonas. Uma integração que se deu em um momento muito difícil, onde nós não tínhamos acesso a esta comunicação e as informações necessárias dos grandes centros. Esta rádio começou a fazer parte da vida e do cotidiano dos nossos povos, então, surge não só a voz dos grandes centros, mas o retorno da voz da floresta, daqueles que queriam também buscar esta informação necessária”, disse Alberto França, representante dos índios Terena.

continua depois da publicidade

continue lendo

Segundo os parlamentares requerentes da homenagem, o objetivo do evento é destacar a necessidade de investimento e desenvolvimento do projeto de comunicação que privilegie vozes diferentes das transmitidas primordialmente por meios tradicionais da mídia.

Os convidados lamentaram que a celebração dos 40 anos da rádio ocorra enquanto ela está com sinal reduzido. O diretor de tecnologia da EBC, José de Arimatéia, lembrou a importância da rádio também para a questão da segurança nacional.

Arimateia disse que este ano a empresa sofreu um bloqueio nas contas e que a direção está comprometida no esforço de liberar parte do orçamento para pagar as despesas e resgatar o investimento necessário na infraestrutura a partir do ano que vem.

Desde 20 março, a rádio teve o sinal reduzido, depois que uma tempestade de raios atingiu a subestação do parque transmissor de alta potência da EBC, responsável pela transmissão do sinal da rádio, a partir de Brasília, para toda a região amazônica. A empresa informou que um estudo está sendo feito para reconstrução do parque de transmissão e retomará a transmissão plena da Rádio em no máximo 60 dias.