LEIA TAMBÉM

Aécio diz ter recebido decisão do Senado com ‘serenidade’. Foto: Valter Campanato da Agência Brasil

Aécio Neves (PSDB-MG) disse ter recebido “com serenidade” a decisão do Senado de devolver a ele o direito de exercer seu mandato de senador.

Por meio de nota divulgada por sua assessoria de imprensa, o tucano disse que a decisão permite que ele volte à função parlamentar, que foi dada “pelo voto de mais 7 milhões de mineiros”.

“A decisão restabeleceu princípios essenciais de um Estado democrático, garantindo tanto a plenitude da representação popular, como o devido processo legal, assegurando ao senador a oportunidade de apresentar sua defesa e comprovar cabalmente na Justiça sua inocência em relação às falsas acusações das quais foi alvo”, diz o texto.

continua depois da publicidade

continue lendo

Afastado
O tucano estava proibido de exercer o cargo de senador e de deixar sua residência à noite desde o fim de setembro, por determinação da primeira turma do STF (Supremo Tribunal Federal).

Denúncia
Aécio foi denunciado por corrupção passiva e obstrução da Justiça após ter sido gravado pelo empresário Joesley Batista, da JBS, a quem pediu R$ 2 milhões.

Supremo
A decisão tomada nesta terça-feira (17) pelo plenário do Senado ocorre após o plenário do STF ter concluído julgamento na semana passada prevendo que cautelares impostas a parlamentares devem ser submetidas ao aval do Congresso.

Com informações da Folha